04 junho 2017

URNAS: Com candidatos cassados, 6 municípios elegem prefeitos neste domingo

Eleitores de seis municípios, em cinco estados, vão às urnas para eleger novos prefeitos e vices em eleições suplementares. O pleito suplementar é necessário nos casos em que os candidatos mais votados na última eleição tiveram os registros de candidatura cassados pela Justiça Eleitoral. Ao longo do ano, outros municípios também passarão pelo processo, de acordo com o calendário do TSE. Os seis municípios estão localizados em cinco estados: Paraná, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Pará e Tocantins.  De acordo com as regras, o eleitor que deixar de votar poderá justificar a sua ausência no prazo de 60 (sessenta) dias, por meio de requerimento a ser apresentado em qualquer Zona Eleitoral. Quem deixar de votar e não se justificar na forma e nos prazos previstos estará sujeito à multa imposta pelo Juiz Eleitoral. Vale ainda ressaltar que é proibido ao eleitor portar, no recinto da cabina de votação, aparelhos celulares, máquinas fotográficas, filmadoras, equipamento de radiocomunicação ou qualquer outro aparelho do gênero.
Reações: