22 abril 2017

Franceses vão às urnas sob ameaça de terrorismo

Sob a sombra do terrorismo, mais de 45 milhões de franceses serão convocados neste domingo (23) para o primeiro turno das eleições que definirão o próximo presidente do país. As urnas ficarão abertas entre 8h (horário local) e 19h, com exceção das grandes cidades, como Paris, Lyon, Lille, Cannes, Nice e Marselha, onde o fechamento pode ser postergado para as 20h, quando devem sair as primeiras projeções. Os principais colégios eleitorais do país terão segurança reforçada por conta da ameaça do terrorismo, ainda mais depois da prisão de dois suspeitos que estariam planejando atentados durante a votação e do ataque que matou um policial na avenida Champs-Élysées, em Paris. O clima na França, alvo de diversas ações terroristas nos últimos dois anos, beira o pânico coletivo, como ficou claro em um incidente ocorrido neste sábado (22) na estação Gare du Nord, também em Paris.
Reações: