22 abril 2017

MATO GROSSO: Vítimas de chacina em assentamento foram mortas a tiros e facadas

As nove vítimas de uma chacina ocorrida na última quinta-feira (20) num assentamento em Colniza (MT) foram mortas com tiros e facadas. Uma das suspeitas é que as mortes tenham sido encomendadas por fazendeiros da região. A Polícia Civil do Mato Grosso começou, na manhã deste sábado (22), a identificação dos corpos das vítimas no cemitério da cidade, quase dois dias depois da chacina. Segundo a Comissão Pastoral da Terra, a identificação está sendo feita numa sala improvisada do cemitério, já que a cidade não tem IML (Instituto Médico Legal). Familiares aguardam do lado de fora por informações. Cerca de cem famílias moram no assentamento Taquaruçu do Norte e foram surpreendidas por homens encapuzados que invadiram o local e entraram nos barracos atirando na última quinta. Todos os mortos são homens. Além de tiros, os criminosos usaram facões no crime - uma das vítimas foi encontrada com um facão cravado no pescoço.
Reações: