22 abril 2017

CRIME DE ÓDIO: Transexual é assassinada no Rio

A transexual Samilly Guimarães, de 24 anos, morreu baleada nesta quinta-feira (20) quando passava pela avenida Atlântica, às margens do rio Botas, em Belford Roxo, no Rio. Amigos da jovem suspeitam que o crime teria sido motivado por transfobia. Só este ano, 44 travestis e transexuais foram assassinados no Brasil, sendo que três destes crimes aconteceram no estado do Rio, Samilly é a quarta vítima. A secretária de Articulação Política da Antra (Associação Nacional de Travestis e Transexuais), Bruna Benevides, disse ao Extra que as autoridades têm dificuldade na classificação da transfobia. A maioria dos crimes acaba sendo tratada como homicídio cometido por motivo torpe, desconsiderando o seu caráter de crime de ódio.
Reações: