14 agosto 2017

PACARAIMA: Cidade de fronteira vê população dobrar com chegada de venezuelanos

A grave crise vivenciada pela Venezuela vem causando o êxodo de milhares de cidadãos do país às nações vizinhas. O Brasil entre elas. Em Roraima, a pequena Pacaraima, de 12,5 mil habitantes, estima estar com a população dobrada em função da chegada de venezuelanos que fogem da repressão política, fome e falta de perspectivas no país de origem. De acordo com o G1, ainda não há dados confiáveis que mostrem o perfil dos migrantes. Acredita-se, porém, que a maioria seja composta por jovens com idade entre 20 e 25 anos, estudantes e solteiros, embora também sejam vistas inúmeras famílias, profissionais liberais e agricultores. No momento, a maior parte vive de bicos e doações. No posto de saúde da cidade, 80% dos pacientes são venezuelanos sofrendo com doenças como leishmaniose, malária, dengue e tuberculose. O prefeito Juliano Torquato disse à publicação que o governo Roraima deveria decretar estado de emergência no município com vistas a alguma ajuda do governo federal.
Reações:
    

0 comments:

Postar um comentário