15 março 2018

REPRESSÃO EM SP: Professora tem nariz quebrado a golpes de cassetete em protesto


Uma professora que participou dos protestos contra a reforma da Previdência municipal em São Paulo na tarde desta quarta-feira (14) afirmou que foi agredida com golpes de cassetete no rosto por um agente da Guarda Civil Metropolitana. Luciana Xavier, 42 anos, afirmou ainda que teve o nariz quebrado e terá de passar por cirurgia. A informação foi confirmada por testemunhas, segundo o UOL. A docente estava na sessão da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara de Vereadores no momento da confusão. Pelo menos mais cinco pessoas teriam ficado feridas no confronto entre a GCM e manifestantes.
Reações:
    

0 comments:

Postar um comentário