02 agosto 2017

FACHIN: Decisão sobre inquérito de Temer será tomada logo após votação

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), disse na tarde desta quarta-feira, 2, que, logo depois de a Câmara dos Deputados decidir se dá aval ou não para o Supremo Tribunal Federal (STF) analisar a denúncia apresentada pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o presidente Michel Temer, ele definirá os próximos passos do inquérito. "Assim que a Câmara tomar lá uma decisão, eu vou ordenar o processo em seguida. Mas não vai demorar muito, tá bom?", disse o ministro a jornalistas, ao chegar para a sessão plenária do STF nesta tarde. O ministro não respondeu às perguntas de jornalistas sobre o que poderia ocorrer com o inquérito no caso de a Câmara não dar continuidade ao andamento da denúncia contra Temer. "Bom trabalho a vocês", desconversou Fachin.
Reações:
    

0 comments:

Postar um comentário