20 julho 2017

FRIO RECORDE: Moradores de rua reclamam de jato de água da gestão Doria

Após a madrugada mais fria do ano, moradores de rua da praça da Sé, no marco zero da cidade de São Paulo, amanheceram com jatos de água de equipes municipais -que também deixaram roupas e cobertores molhados. A ação de limpeza, feita rotineiramente pela gestão João Doria (PSDB), foi alvo de queixas e críticas nesta quarta (19), horas após a capital ter registrado 7,9ºC - a temperatura mais baixa até então havia sido de 8,6ºC, em 5 de julho. "Jogaram água logo cedo e voou vapor de água sobre todas as barracas. Estava muito frio. Fizeram a gente desmontar as barracas. Não temos mais paz para ficar aqui. O que eles querem fazer é ocultar a gente da sociedade", reclamou Alyson Almeida, 20, que dorme na praça da Sé há quatro anos e se queixa da ação iniciada a partir das 6h30.
Reações:
    

0 comments:

Postar um comentário