06 junho 2017

DECRETOS: Trump critica defesa por recurso a decreto anti-imigração

Os advogados do Departamento de Justiça, que já tentavam, nos tribunais, dissociar o decreto que veta cidadãos de seis países de maioria muçulmana das declarações de Donald Trump contra seguidores do Islã durante a campanha terão mais trabalho agora, com as novas declarações do republicano. Nesta segunda (5), o presidente criticou o Departamento de Justiça por ter submetido à Suprema Corte o recurso sobre o segundo decreto, que chamou de "versão diluída e politicamente correta", e não sobre o primeiro. "O Departamento de Justiça deve pedir uma audiência acelerada sobre a versão diluída da proibição de viagem na Suprema Corte - e buscar uma versão muito mais dura!", escreveu Trump, chamando novamente os tribunais de "lentos e políticos". Trump ainda fez questão de ressaltar que o decreto é uma "proibição", e não uma pausa na entrada de cidadãos enquanto o governo avaliava os procedimentos de concessão de vistos nestes países - argumento da defesa.
Reações: