09 maio 2017

TSE: Temer pede exclusão do depoimento de Odebrecht e Santana

A defesa do presidente Michel Temer no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) pediu para excluir os depoimentos dos delatores da Odebrecht e do casal de marqueteiros João Santana e Mônica Moura da ação que pede a cassação da chapa presidencial de 2014. A solicitação foi feita nas alegações finais entregues pelos advogados de Temer nesta segunda (8). A justificativa dos defensores é que esses depoimentos extrapolaram o objeto da investigação inicial, que apura se a chapa Dilma Rousseff-Michel Temer recebeu dinheiro desviado da Petrobras. "Note-se que nos diversos depoimentos de executivos da empresa nenhuma referência à estatal petrolífera; nenhuma situação de propina envolvendo o governo federal no mandato 2011/2014", diz o documento.
Reações: