12 maio 2017

PORTUGAL: Papa 'implora' por fim de guerras e critica muros

Durante seu primeiro discurso público na cidade de Fátima, em Portugal, o papa Francisco "implorou" nesta sexta-feira (12) pelo fim das guerras no mundo e pediu união para "abater muros". "Imploro para o mundo que haja concórdia entre todos os povos [porque] as guerras destroem o mundo no qual vivemos. Se seguirmos os exemplos de Jacinta e Francisco, percorreremos qualquer rota, andaremos muito longe como peregrinos, abateremos todos os muros e superaremos qualquer fronteira, saindo para todas as periferias e manifestando a justiça e a paz de Deus", disse às milhares de pessoas que acompanharam o Pontífice. A oração foi feita durante a visita do líder católico à pequena capela da Aparição de Fátima e, durante todo o percurso feito com o "papamóvel", milhares de portugueses acompanharam Jorge Mario Bergoglio e o saudaram. "Venho como um profeta e mensageiro para lavar os pés de todos na mesma mesa que nos une. E como bispo vestido de branco [disse em referência aos segredos de Fátima] lembro a todos que, vestidos com a pureza batismal, quero viver em Deus e recitarei os mistérios de Cristo para obter a paz", disse ainda.
Reações: