07 maio 2017

APOIO: Com depoimento de Lula, Curitiba terá 'invasão' na quarta-feira

Militantes, movimentos independentes e políticos do PT se organizam para ir a Curitiba na próxima quarta-feira, quando o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva será interrogado pelo juiz federal Sérgio Moro. Lula é réu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, no caso do tríplex do Guarujá, e terá o primeiro encontro com Moro numa oitiva. O presidente do Diretório Municipal do PT em São Paulo (DMPT-SP), Paulo Fiorillo, disse que ainda não há um número fechado de coletivos que seguirão para a capital do Paraná. "Ainda estamos fechando o número de pessoas interessadas para providenciar o transporte." Segundo Adilson Sousa, presidente eleito do diretório zonal Freguesia do Ó/Brasilândia do PT, os ônibus não serão ocupados exclusivamente por filiados da sigla. "Vamos para mostrar que movimentos sindicais, partidários e diversos setores da população não concordam com a judicialização da política", diz. Ele estima que 50 mil pessoas, de todo o País, devem ir a Curitiba.
Reações: