11 abril 2017

STF: Conheça os ministros de Temer citados na lista de Fachin

O ministro do Supremo Tribunal Federal Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato, determinou abertura de inquérito contra nove ministros da gestão de Michel Temer e, ainda, contra 29 senadores e 42 deputados federais nesta terça-feira (11). De acordo com o Jornal de O Estado de S. Paulo, entre os investigados estão os presidentes da Câmara e do Senado. Os nomes surgiram em decorrência das delações de executivos da empreiteira Odebrecht. Segundo a publicação, os ex-presidentes Lula e Dilma não estão entre os nomes pois não possuem mais foro especial. Fachin acolheu o pedido de Rodrigo Janot e tirou o sigilo das delações. “Percebe-se, nesse cenário, que a própria Constituição, em antecipado juízo de ponderação iluminado pelos ideais democráticos e republicanos, no campo dos atos jurisdicionais, prestigia o interesse público à informação”, ressaltou o ministro.
Confira abaixo a lista de ministros que serão investigados
Eliseu Padilha (Casa Civil); Gilberto Kassab (Ciência e Tecnologia); Moreira Franco (Secretaria-Geral da Presidência); Roberto Freire (Cultura); Bruno Cavalcanti de Araújo (Cidades); Aloysio Nunes (Relações Exteriores); Marcos Antônio Pereira (Indústria, Comércio Exterior e Indústria); Helder Barbalho (Integração Nacional); Blairo Maggi (Agricultura, Pecuária e Abastecimento); Vital do Rêgo Filho (Ministro do TCU)
Reações: