09 março 2017

POLÊMICA: Família Temer usou lancha contratada sem licitação no carnaval

A família presidencial usou uma lancha contratada sem licitação, no valor de R$ 24 mil, para curtir o feriado de Carnaval. O Planalto justificou dizendo que o aluguel da lancha ocorreu por motivos de segurança, em caso de uma possível evacuação, já que a lancha Amazônia Azul, da Marinha, estava avariada. "A residência da Boca do Rio, em Aratu, localiza-se em área de difícil acesso e, à noite, o possível deslocamento aéreo implica riscos adicionais à segurança do presidente", afirmou o Planalto em nota enviada à coluna. Ainda segundo o Planalto, Marcela, Michelzinho, Norma Tedeschi, sogra de Temer, e outros parentes só usaram a embarcação por breves 30 minutos.  De acordo com o colunista Lauro Jardim, de O Globo, a Marinha se pronunciou e disse que foi a ONG Abrigo do Marinheiro que pagou o aluguel, sem licitação.
Reações: