20 fevereiro 2017

SALVE-SE QUEM PUDER: Congresso quer blindar alvos da Lava Jato nas Comissões de Ética

Congressistas receosos de terem de enfrentar inquéritos judiciais originados com as delações de Odebrecht iniciam uma força-tarefa para que, ao menos na Câmara e no Senado, os estragos possam ser minimizados. De acordo com a coluna "Poder", da Folha de S. Paulo, parlamentares trabalham para que as Comissões de Ética de ambas as casas sejam comandadas por congressistas conhecidos por "enterrarem" processos - a composição será definida após o carnaval. As Comissões de Ética da Câmara e do Senado têm o poder de recomendar a cassação de deputados e senadores eventualmente acusados de quebra de decoro parlamentar. A do Senado é composta por 15 parlamentares, ao passo que a da Câmara por 21.
Reações: